Cada vez que você compra um filhote, morre um animal na carrocinha ou num abrigo.



sábado, 10 de novembro de 2007

Bebês da Chorona

Era uma vez uma gatinha que apareceu no telhado de uma garagem. Era uma gata arisca que não deixava ninguém chegar perto e vinha atrás de comida que outros gatos comiam.
Com o tempo, ela foi se acostumando com os humanos e percebeu que eles colocavam aquela comida no telhado para os gatos mesmo. Ela só ficava de longe, esperando os humanos se afastarem para então, comer tranquila.
Aos pouco ela foi ficando à vontade. Começou a miar cada vez que chegava e por isso, recebeu o nome de Chorona. Mas nunca deixava ser tocada e só ficava em cima da garagem.
Num belo domingo de setembro, ela desceu e, surpreendentemente, andava atrás das pessoas, deixando, inclusive, que tocassem nela.
A insistência em andar atrás da gente, miando, "chorando", foi tanta, que resolvi abrir a porta da casa para ver o que ela fazia. Só faltou ela dizer: "custou a entender, heim?!".
Ela entrou e ficou andando pela casa toda. Como tenho outros gatos, arrumei o banheiro para evitar brigas. Ela ficou tranquila lá, o dia todo!
Quando acordo na segunda, dia 10 de setembro, lá estão ela e 3 lindos bebês! Dois cinzinhas e um pretinho.

E a Chorona se mostrou uma super-mãe!
Adorou o quarto improvisado
onde mostrou ser uma gata dócil e carinhosa!


3 dias antes dos bebês da Chorona completarem 1 mês,
uma amiga encontrou uma sacola plástica fechada com 4 gatinhos dentro,
ainda com os olhinhos fechados.
Quando a Chorona viu os bebês... Começou a lambê-los como se fossem os dela.
E adotou os 4!

E não foi só a Chorona quem adotou os 4.
Os 3 filhinhos dela, com quase 1 mês, também!
Não se importaram que a caminha ficou mais apertada,
souberam dividir o leitinho e ainda davam banho nos irmãozinhos menores!

E assim, eles estão vivendo felizes enquanto esperam por alguém que queira adotá-los.
Os 3 filhos dela são um casal cinzinha tigrado e uma fêmeazinha preta.
Já comem ração, fazem sujeirinhas na caixinha e brincam muuuito.
Os 4 adotivos (dois pretos e dois cinzas tigrados)
ainda estão mamando mas não vai demorar muito para começar a comer ração.


Situação Atual: todos os gatinhos, com exceção da Mia, foram adotados e a Chorona está esterilizada.

Um comentário:

Sandra Guadagnin disse...

Tiane, a Chorona deixou seu legado. Como você a encontrou (ou ela a você) quando ela já estava meio velhinha, imagine quantos filhotes ela deve ter dado para este mundo...
Lindo seu carinho com os bichos. Esta semana, uns amigos que moram no Nordeste vieram nos visitar. E acredita que trouxeram os 7 gatos e o cachorrinho no avião? Isso que é responsabilidade. E ter animais é um compromisso grande. Pena que nem todo mundo veja assim. Eles tem os pais aqui que equiparam a casa para a estadia dos gatos e cachorro. Pessoas conscientes!
Beijos