Cada vez que você compra um filhote, morre um animal na carrocinha ou num abrigo.



sábado, 18 de agosto de 2012

Pequena Petit


 Esta semana aconteceu algo que eu não fazia há muito tempo, resgatei um cão na rua! Os últimos animais que chegaram aqui foram abandonados no portão da minha casa, mas esta eu vi na rua, podia ter virado de costas e fazer de conta que não vi, sair correndo para o lado contrário, ma não tive coragem...
Eu estava alimentando um dos cães que vem pedir comida na frente de casa quando ouvi a cachorrada latindo no final da minha rua. Ali na entrada da vila tem uma ganguezinha, de uns cinco ou seis cachorros, que passam pela grade da casa deles e infernizam a vizinhança, e foi essa gang que estava latindo e avançando na Pequena, que vinha subindo a rua, como se estivesse carregando todo o peso do mundo nas costas, mas na verdade, só puxava um metro de fio pelo pescoço, sinal de que estava perdida.
 Eu olhei a cena e virei resmungando "eu não tô vendo nada, eu não tô vendo nada...!"mas eu tava vendo! Não tinha como não enxergar aquele bicho enorme se arrastando. Levei água pra ela, mas ela não quis. Então peguei a comida que a outra havia desistido de comer depois de se assustar com o tamanho do cão que estava vindo na direção dela, e ofereci à ela, que aceitou com muita vontade. Não era muita coisa, ela comeu e fiz um carinho, enquanto analisava a figura e pensava nas opções que eu tinha. Era uma cadela com uma certa idade, estava perdida, com certeza! Estava magra e pançuda, provavelmente prenha. As tetas caídas indicavam que ela já teve muitas crias, parecia uma cadela cansada e sofrida. E por último, confessando uma fraqueza minha: era da raça Pastor Alemão! Eu amo Pastor Alemão! Antes de começar a recolher animais de rua, tivemos pastores, que são cães de um temperamento excepcional! 
A minha preferência hoje são os vira-latas e luto para que cães e gatos sejam vistos como cães e gatos simplesmente e não como um siamês, ou angorá, ou um border-collie, ou um poodle, etc, etc. Mas confesso que me deixei levar por essa fraqueza!
 A martelada final foi dada quando lembrei que doaria duas cadelas naquela semana então, se saem duas, pode entrar uma, né? Não vai aumentar o número de animais...né?!
 E foi assim que a Pequena Petit entrou para a turma dos focinhos. O que me preocupa agora, é que não foi só ela quem entrou, foi ela e não sei quantos filhotes que nascerão em poucos dias. O que foi que eu fiz????
Fico apavorada pensando nisso, mas por outro lado, quando vejo a carinha dela e e quando ela vem morder minha mão e pedir carinho, tento me convencer de que não poderia ter deixado ela na rua. 
O que está feito, está feito! Agora é tratar a moça, esperar para ver o que vai acontecer e torcer para que ela e seu bebês consigam lares logo. Conto com a ajuda de todos para a divulgação, ok?!
 Assim que tiver novidades, trago para vocês!

5 comentários:

Aline disse...

Oi Tiane! Tu estas precisando de raçao de gato ou cachorro? Pensei em comprar no armazém aqui perto de casa e deixar reservado p/ ti buscar. O que vc acha???
bjs
Aline

Tiane disse...

Oi Aline! Ração nunca é demais! No momento, estou com um estoque legal de rações para cães, pois ganhamos duas boas doações que mostrei no blog. Isso deve durar até o começo de setembro. Já para gatos, as doações são muito raras etão, sempre serão bem-vindas. Busco onde tiver que buscar. Obrigada!

Danieli disse...

Oi Tiane! A cadela já teve os filhotinhos? São pastores também? E ela, quantos anos você acha que ela tem? Está bem de saúde? Se dá bem com os outros cães?
Tenho uma cadela pastor alemão e queria muito adotar outro pastor para fazer companhia a ela, mas como a minha chegou primeiro, tenho medo de adotar alguma que seja muito territorialista e elas acabarem brigando. Me interessei muito pela mãezinha, mas queria saber essas informações. Obrigada

Anônimo disse...

Olá Tiane..
A Pequena Petit já teve os filhotinhos? Estou interessada em adotar.
Perdi a pouco tempo minha pastor alemã preta e estou precisando urgente se outro cachorrinho.
Espero sua resposta.
Obrigada
Att Luiza

Márcia Trevisan disse...

Bom dia Tiane!Espero que consigas tudo que desejares! Meu marido e eu estamos interessados em um filhotinho da pastor alemão, mas queremos femea...tu reservaria pra nós?
Temos uma boxer femea, mas infelizmente nao durará muito pois tem um tumor, e gostariamos de adotar uma femea da raça pastor.Aguardo notícias!Que Deus continue te abençoando!Abraços